Podcast. O direito à saúde em face ao coronavírus: um diálogo latino-americano

O República de Ideias, na continuidade da série de debates sobre o coronavírus, publica um episódio que discute o artigo do economista colombiano Hernando Sáenz Acosta. Nele, o autor reflete sobre o direito à saúde e a proposta convivialista em face aos desafios oriundos da pandemia em curso, trazendo para tanto uma análise da experiência de privatização ocorrida na Colômbia desde os anos 1990.

Com isso, Hernando gera uma importante reflexão cruzada: aos colombianos (e outros que sofreram um processo de privatização de seus sistemas de saúde) , é dada a oportunidade de refletir sobre a natureza do processo de privatização; e aos brasileiros, é dada a possibilidade de refletir sobre o sistema público de saúde e dos direitos sociais, antevendo quais seriam as consequências de uma privatização avançada.

Para garantir esse reflexão cruzada, também convidamos a pesquisadora e mestra em saúde coletiva pela UFF, Amanda Rodrigues. Ela nos apresenta um pouco da história e princípios do Sistema Único de Saúde (SUS) brasileiro. Destaca os desafios e as ameaças presentes, permitindo identificar as diferenças e similitudes com o caso colombiano.  

Por fim, temos a participação de Emmanuel Rapizo, que apresenta um panorama da estrutura da área de saúde no México.A conversa é sobre o ensaio que publicamos no Fios do tempo. Convidamos a todos que o leiam também: https://ateliedehumanidades.com/2020/03/30/fios-do-tempo-o-direito-a-saude-em-face-ao-coronavirus-reflexoes-a-partir-da-experiencia-colombiana-por-hernando-saenz-acosta/.

Desejamos uma boa escuta!

Apresentadores: André Magnelli e Emmanuel Rapizo

Convidados: Hernando Sáenz Costa (Universidade Santo Tomás – Bogotá, Colômbia) Amanda Rodrigues (Fiocruz)

Edição: Henrique Rapizo

Vinheta de abertura: Bruno Albert

Tópicos:

1. Saúde como direito ou saúde como mercadoria;
2. A montagem do sistema colombiano de saúde: como funciona, quais problemas? (Hernando Sáenz)
3. O Sistema único de Saúde no Brasil: como funciona e é percebido (Amanda Rodrigues)
4. O sistema mexicano: o desafio atual de construção de um sistema público (Emmanuel Rapizo)
5. Quais são os processos de privação em curso? Como se dá a relação entre público e privado no Brasil?
6. Modelo hospitalar e modelo de atenção primária
7. Efeitos positivos da descentralização do SUS no Brasil
8. Os desafios contemporâneos em meio à pandemia
9. Perspectivas desejadas para o pós-pandemia na Colômbia, no México e no Brasil.


Hernando Sáenz Acosta é economista, professor da Faculdade de Sociologia da Universidade Santo Tomás, Bogotá, Colômbia. Livre-investigador parceiro do Ateliê de Humanidades, é economista e doutor em planejamento urbano e regional, dedicado aos estudos urbanos desde uma perspectiva convivialista.


Amanda Rodrigues é pós-graduada na Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP) e atualmente trabalha no Hospital de campanha da FIOCRUZ.


Siga o Ateliê de Humanidades nas redes sociais!

Twitter: https://twitter.com/AtelieHuman
Instagram: https://www.instagram.com/ateliedehumanidades/
Facebook: https://www.facebook.com/ateliedehumanidades/
Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCcS3jWlBCrLvtcWgmgDcn1w/featured


Escolha algum dos armazenadores de podcast abaixo.
É só clicar!


Ciclo de Humanidades 2022 – Além da crítica e indignação: ideias para renovar a democracia

Nos primeiros encontros do Ciclo de Humanidades 2020, refletimos sobre a crise e os impasses das democracias atuais; agora, no terceiro encontro de “A hora da democracia!?”, propomos ir além da crítica e indignação, pensando nas ideias para renovar a democracia. Nossa mesa redonda contará com a presença de Alain Caillé (líder do Mouvement Anti-utilitariste… Continuar Lendo →

Entrevista com Bruno Latour. Os fios de um pensamento entrelaçado (por André Magnelli)

Hoje é dia do aniversário de 75 anos de Bruno Latour. Em homenagem a este que é um dos maiores pensadores franceses da atualidade, divulgamos sua entrevista com André Magnelli, realizada em 04 de novembro de 2020. Na entrevista “Os fios de um pensamento entrelaçado”, disponível agora com legendas em português, conversamos em torno da… Continuar Lendo →

Fios do Tempo. O poder pastoral de Cabo Anselmo – por Aldo Tavares

Sabemos o que é o poder? E como ele se exerce? Conseguimos entender, a fundo, o que é uma guerra e como ela se faz taticamente por movimentos e repousos, encenações e duplicidades? Será que conseguimos sair dos esquemas binários para repensar a política pelo entre-dois? E o que isso tem a ver com a… Continuar Lendo →

Global or World Sociology: Epistemological and Historical Issues of Writing the History of the Discipline Afresh (GP Teoria Sociológica da SBS)

O PPGS-UFRGS e o CP de Teoria Sociológica da SBS convidam para a Aula Aberta, que será realizada em parceria com o Ateliê de Humanidades: Global or World Sociology: Epistemological and Historical Issues of Writing the History of the Discipline Afresh Ministrante: Stéphane DufoixProfessor de Sociologia da Universidade Paris-Nanterre e membro sênior do  Institut universitaire… Continuar Lendo →

#066 República de ideias – Cosmovisão andina e cultura material – com Danielle Araújo

No episódio de hoje, trazemos uma versão editada do lançamento do livro “Cultura material e Cosmovisão andina” (Ateliê de Humanidades Editorial, 2022) com participação da autora Danielle Araújo (Universidade Federal da Integração Latino-Americana – UNILA) e dos convidados Bertha Lopes (ceramista de Pucará, Peru), Ladislao Landa Vasquez (Universidade Federal da Integração Latino-Americana – UNILA) e… Continuar Lendo →

Curso livre virtual. Personagens bíblicos: o livro de Jonas (verso a verso) – com professor Nelson Lellis

O curso sobre “O livro de Jonas” (verso a verso) propõe descrever, em cinco (05) encontros, as interpretações acerca da literatura e sua composição, contexto e objetivo da mensagem (tanto no Primeiro quanto no Segundo Testamentos). A partir de uma leitura alegórica desta literatura, a análise tem por objetivo compreender os termos teológicos, temporais e… Continuar Lendo →

Live. Comics e criminologia: o que tem a ver?

Aproveitando o contexto do curso “Criminologia através da Ficção“, teremos a live “Comics e criminologia”, com o professor Thiago Pacheco e com seu xará convidado, Thiago Iribarne, do Filodoxia. Vamos conversar sobre o universo do comics, em especial sobre o Batman, pensandos juntos: o que isso tem a ver com criminologia? Quando? Dia 14, terça-feira… Continuar Lendo →

Fios do Tempo. Narrativas bíblicas em quadrinhos: as representações da sexualidade e da guerra – por Nelson Lellis

A análise de história em quadrinhos parece ser mera diversão, bem distante de trabalho feito com seriedade. Mas começamos a olhar diferente quando percebemos que muitas Igrejas cristãs possuem um mercado editorial voltado para o público infanto-juvenil, seguindo o velho preceito de que a catequização deve começar desde criança; e, também, que as narrativas imaginárias… Continuar Lendo →

Deixe uma resposta

por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: