Ateliê de Humanidades Editorial

O Ateliê de Humanidades Editorial é o meio de publicação oficial das pesquisas dos quadros do Ateliê – livre-pesquisadores plenos, em formação e parceiros -, direta e indiretamente vinculadas aos nossos Planos de convergência. Nesse sentido, nosso Editorial publica, na forma de periódico (Cadernos do Ateliê) e livros/e-books (selo Ateliê de Humanidades), os seguintes tipos de texto: artigos e ensaios resultantes de pesquisas em nossas linhas ou Planos de convergência; ensaios de interpretação do tempo presente; textos e autores clássicos e contemporâneos; introduções e interpretações de autores, tradições, conceitos, temas e escolas; relatórios de pesquisa, dissertações e teses; edições críticas de obras clássicas e documentos históricos; e traduções de textos de autores estrangeiros parceiros do Ateliê e/ou vinculados direta ou indiretamente às nossas agendas de pesquisa.

O Ateliê de Humanidades Editorial, por meio do seu selo Ateliê de Humanidades, mantém séries especializadas na publicação de estudos em filosofia e ciências humanas e sociais. 

O Ateliê de Humanidades Editorial mantém parceria com grupos de pesquisa, instituições públicas e culturais, bem como outras editoras com as quais publicamos conjuntamente e/ou apoiamos mutuamente.

O Ateliê de Humanidades Editorial não tem filiação político-ideológica e se orienta por alguns valores e ideais, tais como o compromisso com a verdade, a liberdade de pensamento, a probidade intelectual, a excelência acadêmica, o cuidado editorial, o esclarecimento público, a difusão e tradução de conhecimento especializado ao público leigo.



Em breve, publicaremos nosso primeiro título, Uma Democracia (In)Acabada: Quadros e bordas da soberania do povo com Pierre Rosanvallon. Com ele daremos início no nosso selo editorial à série Cartografias da crítica, composta pelas coleções de teoria crítica alemã, filosofia política francesa contemporânea e ontologias do presente.


ATELIE-CAMPANHA.rodapé

Deixe uma resposta

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: