Ciclo de Humanidades. Entrevista com Marcel Gauchet: Como o político se faz?

Divulgamos a última entrevista do Ciclo de Humanidades 2022: "Como o político se faz", entrevista com Marcel Gauchet, feita por André Magnelli. Nesta entrevista extensiva e completa, Gauchet aborda vários temas que constituem sua obra: a religião e seu papel organizador dentro da sociedade humana, o advento dos Estados, os totalitarismos, a história da democracia... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades. Entrevista com Loïc Blondiaux: Pensar a democracia participativa

Para fechar 2022 com chave de ouro, publicamos duas entrevistas realizadas com dois sociólogos políticos franceses, Loïc Blondiaux e Marcel Gauchet, no âmbito do Ciclo de Humanidades 2022 com o tema "A hora da democracia". A entrevista de Loïc Blondiaux começa com uma análise das vantagens da democracia participativa como sistema político alternativo e por... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022. A responsabilidade frágil: responder com atenção e sensibilidade

No último encontro do Ciclo de Humanidades 2022, conversaremos sobre a outra face da escuta: a capacidade de responder com atenção e sensibilidade. Deste modo, concluindo esta rodada de reflexão sobre nosso “tempo do sensível”, traremos uma concepção de responsabilidade que está associada à capacidade de estar atento e sensível ao que se faz e... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022. A escuta sensível: por uma arte que nos falta

Vivemos em uma sociedade da fala e do grito, onde todos querem ser ouvidos, ser reconhecidos e, quase sempre também, ter seus minutos de fama. Mas é possível constituir uma vida e sociedade dignas de serem vividas compostas tão somente por falantes, sejam eles ensurdecidos grosseiros ou habilidosos sofistas? Neste encontro, traremos a centralidade da... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022. No tempo do sensível, segundo encontro: O teatro do mundo: quando o corpo se faz presente

Diante da virtualização das relações sociais e da informacionalização da sociedade, o corpo parece pouco comparecer no fazer do mundo de cada dia. Contudo, a presença performativa dos corpos nas relações consigo mesmo, com os outros e com o mundo é parte essencial da vida humana e social. O corpo se faz presente na teatralidade... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022. No tempo do sensível, primeiro encontro: Um pensar crioulo

A rodada "No tempo do sensível" tem por tema de partida a força e atualidade dos pensamentos vindos das fronteiras. Em parceria com o Ciclo Caribe: Real e Sonhado (que será realizado em setembro), nossa conversa será um diálogo entre Europa, Caribe e América Latina, tendo por referência questão da identidade crioula, presente em autores... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022 – Além da crítica e indignação: ideias para renovar a democracia

Nos primeiros encontros do Ciclo de Humanidades 2020, refletimos sobre a crise e os impasses das democracias atuais; agora, no terceiro encontro de "A hora da democracia!?", propomos ir além da crítica e indignação, pensando nas ideias para renovar a democracia. Nossa mesa redonda contará com a presença de Alain Caillé (líder do Mouvement Anti-utilitariste... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022 – Criticar, resistir, governar: refazer a política na era da desconfiança – com Alessandra Maia, Diogo Cunha e Felipe Maia

Após tratar dos populismos, aprofundaremos nosso debate sobre as democracias explorando um paradoxo: de um lado, viver democraticamente implica o exercício do dissenso, da crítica, da resistência, do impedimento, da desobediência, da denúncia etc. Por outro lado, a democracia necessita da construção de consensos e de um governo que organize um horizonte comum de bem... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022 – A democracia polarizada: navegando no século do populismo – com Pierre Rosanvallon, Christian Lynch e Tatiana Roque

Pelos vários cantos do mundo, as democracias estão em crise e se tornam polarizadas por líderes e movimentos ditos “populistas”. Mas o que são mesmo os populismos? O que eles estão nos dizendo sobre o que não vai bem conosco? Como podemos navegar nas águas revoltas da crise democrática sem afundar em “democraturas”? Como fazer... Continuar Lendo →

Ciclo de Humanidades 2022. A hora da democracia!? / No tempo do sensível

O Ciclo de Humanidades é realizado desde 2019 pelo Ateliê de Humanidades, o Escritório do Livro da Embaixada da França no Brasil & a BiblioMaison. Após um total de 26 encontros e 12 entrevistas de 2019 a 2021, chegamos em nosso quarto ano com o Ciclo de Humanidades 2022. Ele será em formato híbrido (presença... Continuar Lendo →

por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: