Ateliê de Humanidades participará de organização de sessão no IV ISA Forum of Sociology

O Ateliê de Humanidades participará do IV ISA Forum os Sociology, que ocorrerá entre os dias 14 e 18 de Julho de 2020, em Porto Alegre. Paulo Henrique Martins, professor titular da UFPE, e André Magnelli, diretor e pesquisador do Ateliê de Humanidades, organizarão a sessão:

Metamorphoses of Sociology: What Can We Expect of It and Do about It ?!

Session Description:

Sociology is a relatively recent science whose end may be near. Born in modernity, it may be a victim of its deconstruction, to which it has contributed. In this time of mutations, we wonder: is sociology living a crisis and, if so, what does the near future hold in store for it? To answer these questions, we plunge into perplexities: but what is sociology? What can it know? What is it good for? What should it do? Or rather, what can we expect of it and do about it ?!

In this session we wish to reflect on the crisis of sociology in the face of a general crisis of our time. It is necessary to debate it from researchers’ perspectives from different countries and regions. What interpretations are there about the crisis, and what outlets are being proposed? It is important to reflect on the history of sociology from its diverse culture and theoretical perspectives; to articulate its history with the present, connecting the crisis of sociology with that of society and universities; and to reconstruct the experiences of classical sociology with disciplinary connections and theoretical and empirical plurality. In order to reflect critically on the limits of deconstructivist approaches – which are too attached to the discourse, thus reinforcing the current fragmentation process of reality and disconnection from its complexity -, we want to think about the possible metamorphoses that allow sociology not only to understand but also to respond to the challenges of the present time.


Envie um resumo para esta sessão clicando aqui.


Descrição da Sessão:

A sociologia é uma ciência relativamente recente cujo fim pode estar próximo. Ela pode ser vítima de sua desconstrução, para a qual ela mesma contribui. Assim, neste tempo de mutações, temos que nos perguntar: será que a sociologia vive uma crise e, se sim, qual seu destino próximo? Para responder, nos encadeamos em uma série de perplexidades: mas o que é a sociologia? O que ela pode conhecer? O que é bom que ela faça, ou o que ela deve fazer? Ou melhor, o que podemos dela esperar e o que podemos fazer dela?!

Na presente proposta gostaríamos de mobilizar reflexões sobre a crise da sociologia em face à crise mais geral de nosso tempo. É necessário refletir a partir das perspectivas de pesquisadores de distintos países e regiões. Quais percepções existem sobre a crise da sociologia e quais saídas estão sendo propostas?

Para tanto, é importante refletir sobre a história da sociologia tanto a partir de suas culturas como de suas diversas perspectivas teóricas; articular a história com o presente relacionando a crise da sociologia com a das universidades; e reconstruir as experiências da sociologia clássica com as conexões disciplinares e com a pluralidade teórica e empírica. Propondo-nos a refletir criticamente sobre os limites das abordagens sociológicas desconstrutivistas que são muito presas à abordagem discursiva e reforçam o processo de fragmentação em curso e de desconexão com a complexidade da realidade , queremos pensar as possíveis metamorfoses que permitam fazer a sociologia não apenas compreender, mas também responder aos desafios do tempo presente.


ATELIE-CAMPANHA.rodapé

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: